Notícias Esporte Você Comunidade

COPA VERDE

Papão tem hoje a chance de uma conquista nacional

Você
Publicidade

Terça-feira, 02/06/2009, 12h46

Cultura paraense perde Walter Bandeira

Tamanho da fonte:

Cultura paraense perde Walter Bandeira
Luto: a cultura paraense perde um dos seus principais nomes

A cultura paraense está mais triste na tarde desta terça-feira (2). Cantor, ator, compositor e locutor, Walter Bandeira acaba de falecer, perdendo a luta contra um câncer no pulmão que já se estendia há meses.

Ele estava internado no Hospital Porto Dias desde o final de maio e seu quadro clínico havia piorado bastante desde o mês de março.

>> Walter Bandeira será velado no Waldemar Henrique

Segundo amigos do artista - que dedicou 40 dos seus 67 anos à atividade artística - Walter já estava muito magro, castigado pela pressão do tumor sobre o esôfago, que lhe dificultava a ingestão de alimentos. Desolados, familiares estão reunidos no Hospital e aguardam a liberação do corpo. O funeral acontece logo mais, no Theatro Waldemar Henrique.

Conhecido com a grande voz do Pará, Walter fez historia nos mercados publicitário e do audiovisual, figurando como um dos mais requisitados e prestigiados locutores paraenses.

Nos palcos, sua voz inconfundível e suas performances irreverentes sempre atraíram grande público. Como ator, participou de várias espetáculos e filmes. O último que estrelou foi 'Lendas Amazônicas', de Moisés Magalhães, ao lado de Dira Paes e Cacá Carvalho.

>> Veja abaixo a participação especial de Walter Bandeira no DVD de Fafá de Belém:

>> Atualizada às 13h43.

(Diário Online)

 

 

Comentários Recentes

  • José Geraldo disse: Comentário postado em 05/06 Sexta-feira às 11:29h "Realmente foi uma grande perda de um cantor com um voz com um timbre impressionante. Deus também quer alguém que cante tão bem, como os outros cantores que lá estão e nos deixaram saudosos e estão juntos Dele. Que descansem em paz."
  • ines disse: Comentário postado em 03/06 Quarta-feira às 08:17h "Walter Bandeira era " milhões de passarinhos,era um dia encantador"...
    Calma!Passarinho voou, mas não era do céu o passarinho?""
  • dom disse: Comentário postado em 02/06 Terça-feira às 21:42h "Estou de luto pois a máxima expressão artística da voz do séc XX em Belém do Pará! e nosso ex professor nos deixa com o coração partido e com a voz rouca de choro por sua ausência, demorei a acreditar que um cara tão presente pudesse ir tão assim, sem dizer adeus, também bem ao seu estilo.Então o que fica é isso: esse ar de tristeza na cidade e a incerteza pelos descaminhos da arte!!!
    Esse deboche do real que era a sua cara, esse clima de foda-se! tudo está ruindo...
    E logo após ter lançado um ótimo trabalho, logo após ter sido homonegeado no discoteca da Cultura! morre o homem fica a fama, WALTER JÁ É MITO!, nunca vou me esquecer de todos os seus ensinamentos esclarescedores, autonomíssimos e libertários além da voz que não me quer sair da memória...
    Apreendamos esta essência e transformemos juntos todo este cenário de tragédia em Belém do Pará
    Dom.

    "
  • Agripino disse: Comentário postado em 02/06 Terça-feira às 21:05h "Ainda jovem, ouvi o nome de Walter Bandeira pela primeira vez, na mesma época em que ouvi falar em Guilherme Coutinho, que, infelizmente, partiu muito cedo. No princípio, não entendi como é que um cara com aquela voz, com tanto talento, não deixava Belém para ser um cantor de fama nacional. Poucos cantores daquela época seriam páreo para o intérprete Walter Bandeira. Depois, ouvindo relatos de algumas pessoas e acompanhando algumas de suas entrevistas, eu pude entender: Walter Bandeira tinha, em si, um pedaço da alma desta Cidade. E agora, partindo, ele deixará para esta Belém Morena, por ele tão amada, um parte importante de sua alma. Vai em Paz, Walter Bandeira. E muito obrigado."
  • Alberto Amoêdo disse: Comentário postado em 02/06 Terça-feira às 19:08h "A VOZ .
    Enquanto o sabiá,
    Entre as mangueiras
    Balbucia poesias
    Como notas ao fim desse dia.

    Enquanto as flores,
    Não valsam alegrias,
    São das palavras o som que homenageia.

    A noite que vem lá,
    Já vem calada entre as ondas e a brisa do rio mar.
    Surge entre as palhas deitadas,
    Por entre as casa prensadas das taperas ou
    Do telhado das malocas do tacacá.

    Essa noite sem luar vem pra marcar,
    Ficar na história do Pará.
    Entre as lágrimas dos círios acesos a circundar
    A dor que essa cultura em luto faz versar.

    Não era poeta,
    Não era autor...
    Era a cultura viva,
    Sangue nativo,
    Que dizia sempre,
    Por suas ações...
    Morrer em Belém do Pará.

    Dorme menino!
    Dorme!...
    As margens plácidas da baia do Guajará.

    Bandeira ver-o-peso,
    Túnel de mangueiras, mangal das garças,
    Salinas, Algodoal, Mosqueiro ou Souré.
    Dentre as matas dessa cultura fica a mais pura,
    Saudade da voz, que ficara na memória.

    Não teremos mais os acordes graves solfejando
    À frente do palco de rua, da praça da República,
    Do conjunto de Nazaré, do círio profissão de fé.
    E principalmente embalando as rádios locais...
    Não teremos mais a luz do teatro da Paz.

    Aos braços egrégios de Waldemar,
    Deita irrestrito menino sabiá.
    Que entre as palmeiras
    Da minha Belém do Pará,
    Em idílicas melodias,
    Também fazia versar a chuva abençoada.
    E agora segue as veredas da vida.

    Homem,
    Menino,
    Moleque...
    Obra do tempo,
    Pessoa que a arte tem que reverencia.
    "
Mostrar mais comentários [+]
Siga-me

Lojas do Tem! (Classificados)


IT Center
Shopping Pátio Belém - 2o piso
Shopping Castanheira - 1o piso
Gaspar Viana, nº 778
Yamada Plaza (Av. Gov. José Malcher)
Yamada Plaza (Castanhal)
Formosa Duque (Subsolo)
Formosa Cidade Nova (Subsolo)
RBA - Av. Almirante Barroso, 2190


Call Center Tem! (Classificados)
(91) 4006-8000

Fale Conosco

(91) 3084-0100

Central do Assinante

(91) 4006-8000

Endereço

Av. Almirante Barroso, 2190
CEP 66095.000 - Belém-PA

Redação


(91) 3084-0119
(91) 3084-0120
(91) 3084-0126
(91) 3084-0100

Ramais: 0209, 0210 e 0211

Twitter